quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

E agora Jacó????




Você foi surpreendido, achou que tinha o controle de tudo, achou que iam te matar!
Pego pelo inesperado, pela busca daquilo que ainda estava longe de ser explicito.
Fugiu do desafio, que te encontrou na noite. Lutou contigo, abençoou-te, mudou teu Nome, tua identidade.

Tua parte Esaú não queria e nem saiu do lugar, não encontrou a vivência da transformação, não se desafiou, preferindo ficar na caverna, na proteção da sombra da mãe.

Voamos, saltamos, arriscamos tudo e parece que não deu em nada! Infelizes daqueles que são infelizes, não saem do mesmo lugar indo em tantos lugares.

Nossa coxa foi ferida para ficarmos mais altas. Nossa coxa é ferida diariamente, para que possamos nos mancar e se mancar.
Sorte tua que expôs tua coxa, sem medo de ser tocado, sem medo de ser transformado.
Tua nudez foi exposta, aquilo que pensávamos que era não era nada!

E agora Jacó? Esaú te recebe, e tu que gritas a humildade que é necessária ter para receber algo novo, sentir e sair do racional, viver mais do que carregar teorias. Tu te entrega e te larga, rompe com a rotina, pois luta consigo mesmo. Abre para sentir o orgasmo da vida. Do 8 ao 80, vive para morrer, morre para viver.

E agora Jacó? Tu és Israel!

Nenhum comentário:

ECLIPSE E A ESCURIDÃO

Voce tem medo do escuro? normalmente temos, normalmente não desejamos situações de escuridão em nossas vidas. A kabbalah nos mostra at...