sexta-feira, 9 de abril de 2010



Rio 40 graus

Nossos olhos se vedam para uma realidade de profecias que chegam até nós. De todos os lados sem parar, diferentes tipos de desastres naturais, mas nada naturais para nós.
Justiça Divina!! Por um olhar mais clássico da Kabbalah...sim, mas para o Rio de Janeiro, nada a ver com movimentos a favor do pré sal para o Rio, a justiça Divina é mais obvia, vai alem de nosso olhar de raiva, invejas ( me desculpem os gaúchos, sou gaucha, mas o Rio de Janeiro é obra Divina!! É arte, o homem é que estraga!) E em seus estragos é que o autor da arte tem o seu direito de reorganizar a casa.
Ai, ai...
Nos dói ver os caminhos traçados...não por D´us, mas por nós, como co criadores – co – responsáveis pela obra de arte.
Nós, péssimos pintores, colocamos as cores em lugares errados, fazemos péssimas combinações, misturamos técnicas e tintas...nada a ver.

Morros escorregam, como tintas que nunca secam. Casas e pessoas se misturam, cores que se tornam escuras, e assim vai-se perdendo a imagem. E a arte se desfaz.

As ondas formaram um novo espetáculo, mas eram ondas que nos assustavam e destruíam. Que beleza há nisso?

E o Rio se prepara para 2014 e 2016.

É preciso parar de culpar as chuvas, as águas, a terra!! É preciso assumirmos a responsabilidade, todos, moradores e prefeituras.
Somos movidos por impulsos imediatos, não medimos as conseqüências de nada, afinal...nunca vai acontecer com a gente!.
E posso falar e escrever isto, e é lindo todo mundo concordar..mas jogamos nosso saquinho de lixo na frente de nossas casas.... que horror...Vem a chuva e leva, para o bueiro mais próximo.

Na próxima chuva, que D´us nos livre!!!

Para não sermos os próximos, a rua da escola, a JACINTO GOMES está em reformas, novos coletores de água – logo o transito para chegar na escola está difícil, mas é possível entrar e estacionar na rua ou nas garagens(estacionamentos) próximos.

Oremos pela misericórdia de D´us.
para que ele nos dê novos caminhos, trazendo luz - lucidez para cada um de nós.

Amem, amen e Selah.

Nenhum comentário:

ECLIPSE E A ESCURIDÃO

Voce tem medo do escuro? normalmente temos, normalmente não desejamos situações de escuridão em nossas vidas. A kabbalah nos mostra at...