Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2012

Hamsa - a mão de D´us

Imagem
Muitas pessoas buscam amuletos e símbolos cabalísticos para proteção, atrair a sorte, a prosperidade..enfim...Um destes é a Chamsa ou Hamsa, a mão de D’us, também conhecida como a mão de Fátima, a mão de Alah!.


Ela representa a força da mão do Criador, os 5 dedos que transmitem as bênçãos, tanto para a proteção contra o mal olhado, quanto para a prosperidade. A mão que dá e a mão que para!

Ela vem sendo usada deste a época dos fenícios. Entre os árabes é conhecida como a mão de Fátima, filha de Maomé.
árabe: خمسة, hamsah – literalmente “cinco”, referindo-se aos cinco dedos da mão.
Para os misticos da Cabalá esta mão traz simbolismos preciosos a respeito das energias divinas.
Mão em hebraico é Iad (yud, dalet) 10+4 =14, da mesma forma que escrevemos a palavra Yad (mao) escrevemos Yud (decima letra hebraica), e Dai (basta!). O Yud é uma letra divina de valor 10, representa o criador e suas duas maos, com seus 10 dedos. E este mesmo criador que dá, tambem diz Basta!

Ela "para"…

Caminhos do acaso.....

Seria nossa vida governada pelo acaso, pela lei única da natureza? Pela lei animal, instintiva da sobrevivência? Viver e morrer é o mesmo que nada, quando imaginamos uma vida sem sentido, sem algo maior.


Somos seres tão psíquicos, que nossa necessidade de D´us se resume numa projeção? Somos seres espirituais que nossa ação se restringe a rituais da tradição religiosa? sem explicações e apenas a mecânica de passar de boca em boca? Desejamos um pai, desejamos superar a idéia de fim com uma vida eterna.

D´us é uma ilusão? O que existe fora de nossa existência consciente?

Construímos crenças, idéias filosóficas para alicerçar a nossa vida

Para alcançarmos respostas é preciso ver o que o conhecimento da cabala nos traz. Mas para isto, é preciso estar desprendido dos conhecimentos que nos chegam. Para a Cabala D´us é o Nada. Um Nada existente, que Dele origina-se tudo. A inteligência, energia constante, harmônica, luz e força constante e ao mesmo tempo caótica e escuridão. Em sua combinação…

DO NADA PARA A EXISTÊNCIA...e a dualidade Grita!

Imagem
“IESH ME AIN”


Iesh em hebraico significaEXISTIR/EXISTE, HÁ,representa o físico, a presença, a materialidade... se algo existe para nós, é por que vemos.... por que é diferente do NADA!
Quando D'us cria o espaço vazio, ele o faz para poder expressar a sua luz.
Então é criado um espaço que irá conter a expressão divina, a LUZ. Este espaço é criado a partir de um ato de retirada Dele de dentro Dele mesmo. Criando um vazio, com polaridade negativa, um escuro, que irá atrair, desejar a Luz.


Quando nos retiramos de algum lugar, criamos espaço para que uma outro energia venha a ocupar, um outro. É este movimento que garante a eternidade, pois através do outro podemos ver o espelho, e nos ver, nos perceber vivos. Percebemos a nossa vida, a nossa extensão através do outro, que ira refletir a nossa luz!.
O outro... quem é? A criação, o nada permite a existência da dualidade... tudo era um, até a existência do nada, e aqui D'us está dividido, mas ele é sempre Um – Luz e Escuridão, ou essência…
Imagem
São muitos os mundosespirituais.
São muito os seres, graus e níveis da luz.
Aproximar nossa vibração é elevar a consciência e as atitudes , no aqui e agora. Abrindo-se como uma rosa para o amor e a justiça.
As realidades superiores descem e retornam, num movimento constante, na tentativa de entrar neste mundo.
Vencer os dias negativos, vencer a negatividade dentro de si é encontrar um estado de paz – sem julgamento, sem barulho...sem aflição, que vem com a desconfiança.
Observando os desenhos da ação divina. Contemplando-as.... simplesmente.
É preciso paz para contatar o mundo mais e mais elevado......
Encontrar o espaço que está aberto e desejoso da Luz espiritual.....RECEBER....E Cabala é RECEBER, aprender a receber algo que não conseguimos descrever além da palavra LUZ, energia....D´us....é preciso encontrar um espaço adeqado, apropriado para planatar as sementes do YUD de D´us......
É preciso ser ÚTERO.


Ser ÚTERO é um estado de manifestação de feminino. Um estado paciente, passivo, não…
Imagem
Que medo temos de nos soltar, soltar a mente, soltar as ideias....romper com a mente robótica, escrava do EGO, do principio do mal...... Por isto CRIAR e RECRIAR.... Pensando assim, a Escola traz de São paulo o artista plástico ROGÉRIO RAUBER para fazer a OFICINA CRIATIVA....
Vem abrir-se......em criação.......entre em cntato: (51) 3388.7799
Imagem
Nada mais foi o mesmo
Cumprir com o destino e recuperar o tempo perdido que só gerou intoxicações.
O tempo correu
Não tinha mais tempo, tempo para a duvida ou o medo.
A morte me fez acordar, impulso único para a vida
Não a morte, mas o buraco negro que é, um espaço sem respostas
Há libertação!
O gozo é outro...mas o tempo, agora me faz diferente.
Equilíbrio, nem parece. Uma nova luta – a do merecimento.
Um ano.
E muita coisa na volta para administrar...seguir os eu caminho ou parar e esperar, olhar para os outros, ocupar um lugar...mas que lugar é este...ninguém ocupa lugar de ninguém....
Não há mais tempo, o que era teu é teu...e acontece rápido.
Mas há o que se tranca, o que não flui....olhemos para as cascas (klipot – nós da alma) para libertar e deixar a energia fluir.
A ambição não é a mesma, o desejo mudou.
Hoje, quero ser estupidamente feliz.