quinta-feira, 27 de dezembro de 2012


2013 promete!!

Uma passagem, um número...para a cabalá o ano começou em 5773...mas a passagem numérica de agora também nos é válida, pela força da mente! Por isto vamos  ver que leitura podemos ter deste novo ano....observando algumas mudanças astrológicas.

13 é um número de sorte, mal dito por alguns, para negar a sua essência e magia.
13 é um número de AMOR, unidade, conexão.
Para a cabala os numero 7 e 12 são considerados numeros naturais, fazem parte deste mundo físico, enquanto que 8 e 13 são numeros sobrenaturais, transcendem a vida física, nos elvam ao contato com outras dimensões, números em que a divina presença se faz.

Voce sabia que o 13 é a representação de Yoshua (jesus) na santa ceia? Voce sabia que 13 é a filha de Jacó Diná - que simboliza a justiça, o julgamento? Voce sabia que 13 é a numerologia das palavras UM (Echad) e AMOR (Hahavá), em hebraico?

13 é a carta a Morte, no tarô, mas não a morte como a vemos e tememos..mas a morte de transformação, o poder da morte, de fnalizar, cortar, acabar e começar algo novo...13 é a verdade, é estar exposto, honesto, sem ruidos.....

Por isto 2013 é um ano limpo, ou para limpar os barulhos, ruidos, que atrapalham a alma de ser ... Morte, morte ao falso, morte ao que não serve mais....é preciso entrega, amor para encontrar a unidade consigo mesmo e atrair o amor do coração.

20 é a mão - a palma Divina, na letra CAF, que acolhe e envia as bençãos dos céus, a presença atuante de D´us na reconstrução da Unidade.

Retornar a LUZ, a consciência não é um processo fácil, mas transformador, que acaba com as ilusões. para aqueles que estão consciêntes e desejosos de transformação, a luz abre os caminhos e a Divindade se apresenta, mas muitos ainda necessitam acordar e o susto pode ser grande, muitos ainda insistem resistir em suas falsas crenças, racionalidades, durezas...entregar-se, relaxar e confiar são qualidades deste ano, e precisamos vesti-las.
As energias do ano nos levam ao mergulho nas aguas do universo. O incosnciente falará, o mundoe spiritual existirá cada vez mais! Os mlagres estarão por toda a nossa volta...sinais e percepções... enxergar no escuro será o normal.
Muita criatividade e sementes novas aparecem. Uma vida que se renova!

Por isto precisamos nos aressar em nossa cura e em nosso mergulho na transformação...sem dor, mas com entrega!
 Um feliz 2013!




quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Estamos condenados a trabalhar?




Você já percebeu como a vida aqui é dura!?  Tudo contem um certo grau de sofrimento, uma certa queixa...nada parece ser como se deseja.... mas será que a história é bem esta?

Na visão cabalística o homem vivia em uma consciência paradisíaca e seu pecado possibilitou a sua queda, uma queda na consciência espiritual, perdendo seu conhecimento do propósito de tudo e o sentido da vida. Um novo olhar surge, mais restrito, mais externo, longe daquele olhar interno vivido no paraíso, onde a Luz predominava!

A queda foi a expulsão da shechiná, a expulsão da consciência divina de si mesmo. Com a queda o homem passa a viver sob a consciência da Árvore do bem e do mal - do egoísmo, do mal, do desejo de querer para si. A partir disto todas as tarefas, ações, sentimentos, e afazeres gerais estão enclausuradas nesta consciência, que também chamamos de separação, por isto cada tarefa que o homem cumpre aqui é de uma consciência trabalhosa, sofrida, corrompida. Segundo o Zohar, bíblia da kabbalah, a partir da sua queda o homem colocou todos os exércitos de juízes sob o mundo, julgando e acusando o homem de seus pecados, o que trousse um grande peso para a humanidade.

Quanto mais estamos na consciência do caos e do sofrimento, menos encaixados na vida estamos, queremos nos livrar de tudo o que fazemos, pois não percebemos que cada tarefa, trabalho , relacionamento é uma oportunidade para sairmos desta consciência.

Quando o homem atua neste mundo com a consciência de separação, tudo é mais pesado, tudo é mais duro. Corpo e alma desejam coisas diferentes! Estão separados. Mas quando o homem cresce na sua consciência e ele absorve a consciência divina, a consciência da Árvore da vida, ele une as partes, e todas as atividades ficam mais leves, coerentes, ele fica no lugar certo, na hora certa..sentindo a plenitude da vida, pois estará com a consciência certa.

terça-feira, 11 de dezembro de 2012


12.12.12

Amanhã temos uma data especial... uma mera repetição de numero? ou algo a mais?
 Numeros são numeros e o universo é feito deles....12.12.12 = 36 ...e 36 são os justos que mantem o universo... atraves deles D ´s não destroi o mundo.
Amanha é 12 e daqui a 10 dias é o espelho deste 12 = 21, data marcada como sendo o fim do mundo.

Não sabemos se será o fim do mundo e que tipo de fim, não sabemos se amanha algo tão especial irá a contecer...astrologicamente estamos num processod e mudanças, mas a data de amanhã não marca nada especial...mas podemos tornar o dia de amanhã especial. 

O dia de amanhã especial.. pode fazer com que todos os dias se tornem especiais, portais de ascenção, revelação, recebimento de luz.....
O que importa é que possamos sair da zona de conforto e abrir o espaço para receber mais luz e fazer os movimentos que devemos fazer. 
Passamos por dias difíceis, onde a conta inteligencia ficou evidente. A correria do final do ano tira as pessoas da missão, do seu foco...é uma loucura! E isto é mais fim do mundo do que qualquer outra coisa.

É hora de despertar a consciência, abrir-se,  desejar fazer movimento de crescimento interno.
Que possamos amnha - dia 12 abrir alguma porta neste mundo, para que a luz possa entrar mais um pouquinho.

ECLIPSE E A ESCURIDÃO

Voce tem medo do escuro? normalmente temos, normalmente não desejamos situações de escuridão em nossas vidas. A kabbalah nos mostra at...